infoNauta

O que é Busca Orgânica

Publicado em: 3/2/2016
Atualizado em em: 17/04/2018

Por: Sergio Mari Jr.

Comentários: 0

Busca Orgânica é o modelo adotado pela maioria dos sistemas de busca na web atualmente. Ela corresponde ao terceiro estágio do desenvolvimento desses sistemas.

Evolução dos Sites de Busca

Os primeiros sites a fazerem sucesso na internet e conseguirem uma audiência de massa foram os Catálogos de sites ou Diretórios, que apresentavam listas de sites disponíveis na rede organizados por algumas categorias.

Logo apenas as categorias deixaram de ser suficientes para catalogas os sites, então os mecanismos evoluíram para a chamada Metabusca. Este formato se baseava no cadastramento de metainformações sobre cada site, como título da página, descrição, palavras-chave, endereço etc.

Veja na imagem abaixo um exemplo da página inicial do Cadê?, um serviço de busca que era muito popular no Brasil nos anos 1990:

Cadê?

No começo da página é possível ver uma caixa de Consulta, onde você poderia fazer sua metabusca, ou seja, buscar por informações existentes no título, descrição e palavras chaves dos sites. Um pouco mais a baixo há uma lista de categorias ou diretórios, onde você encontrava uma listagem de sites organizados em ordem alfabética sobre cada um desses assuntos.

O modelo de metabusca vigorou por muito tempo, até que o Google inaugurou um modelo completamente diferente de indexação, capaz de catalogar as informações contidas no conteúdo de cada página e de apresentá-las aos usuários classificadas de acordo com sua importância e relevância na internet. Este modelo ficou conhecido como Busca Orgânica e é adotados por todos os modernos sistemas de busca (search engines).

Num futuro próximo espera-se a efetivação do modelo de Busca Semântica já anunciado por algumas ferramentas. No modelo da busca semântica, nós não obteríamos uma lista de sites, mas sim respostas diretas às nossas perguntas.

Experimente, por exemplo, fazer a seguinte busca no Google:

define:marketing

Ele retornará uma caixa já contendo a definição de Marketing, sem que você precise acessar os sites encontrados para procurar sua resposta.

Como Funciona a Busca Orgânica

Porém, a Busca Semântica ainda não passa de uma promessa. No modelo atual, o da Busca Orgânica, o site de busca faz uma cópia de todas as páginas encontradas na internet. Esta cópia é chamada Cache. Assim, ele tem a capacidade para ler todo o conteúdo das páginas, e não somente seus títulos e cabeçalhos.

Porém, o principal diferencial da Busca Orgânica é sua capacidade de classificar as páginas encontradas por ordem de importância.

A ordem em que os sites são apresentados é determinada por uma série de fatores, sendo que no caso do Google, o mais importante deles é o chamado PageRank, que detalharemos mais abaixo.

Isso criou um hábito nos internautas: como eles sabem que os sites são apresentados por ordem de importância, clicam apenas nos primeiros resultados:

Google 2005 x 2008


Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Faça seu comentário

Repita os caracteres no campo abaixo:




adobe agência de propaganda ambiente de marketing ambiente externo ambiente interno artigo científico balanced scorecard banco central bitmap bsc cabernet sauvignon cedilha comunicação digital cibercultura ciência competitividade comportamento do consumidor composto de marketing concorrência cultura da internet custo demanda desejo diferenciação eleições email marketing endomarketing erp estratégia facebook forças competitivas futebol gestão do conhecimento gestão estratégica google html illustrator imagens digitais indesign inovação instagram inteligência coletiva inteligência de marketing interatividade internet jornalismo linkedin livrista lucro macroambiente marca mark-up marketing marketing de conteúdo marketing digital meme memes merlot metodologia michael porter microambiente moeda comemorativa motivação mídia mídia digital mídias digitais mídias sociais necessidade numismática objetivos olimpiadas 2016 orkut pesquisa pesquisa qualitativa pesquisa quantitativa photoshop php pierre levy planejamento planejamento estratégico preço produto programação promoção propaganda propagação viral publicidade real redes sociais relações públicas relevância reputação rio 2016 sem seo sistemas de informação sites de busca twitter valor vinho virtual walter longo web youtube