infoNauta

Crawler Detect

Inscreva-se:

Introdução ao Adobe Ilustrator

Publicado em: 23/10/2015
Atualizado em em: 28/10/2015

Por: Sergio Mari Jr.

Comentários: 0

O Illustrator é um software (aplicativo) para edição de imagens digitais do tipo Vetorial desenvolvido pela Adobe. Sua primeira versão foi lançada pela em 1994.

Além dele, o Corel Draw também é bastante utilizado para este fim.

As imagens a seguir são da versão CS6, que corresponde à sua 16ª edição. Elas apresentam a estrutura básica e as principais ferramentas e recursos do programa.

Estrutura básica

Illustrator

A tela principal do Illustrator é composta pelas seguintes partes:

Barra de Menu: localizado na parte superior da tela, ele apresenta de modo organizado todas as funções oferecidas pelo programa.

Barra de opções: localizada logo abaixo do menu principal, ela apresenta opções que variam de acordo com a ferramenta selecionada pelo usuário. Por exemplo, se estiver trabalhando com traços, ela irá apresentar opções como espessura e tipos de linhas, já se estiver trabalhando com texto, ela irá apresentar opções com fontes e tamanho da tipografia.

Caixa de Ferramentas: Localizada na lateral esquerda da tela, ela apresenta todas as ferramentas de que o usuário dispõe para editar seus vetores.

Abas ou Paletas: Localizadas na lateral direita da tela, elas apresentam alguns recursos especiais do programa, como amostra de cores, configuração de gradientes, camadas, canas de cores e histórico de alterações.

Quando o programa é instalado, suas partes são apresentadas conforme a configuração apresentada acima, porém o usuário tem liberdade para alterar a posição de todas elas, conforme seu gosto ou necessidade.

Criando uma nova imagem

Para criar uma nova imagem você deve utilizar o menu File (arquivo) > New (novo) e então poderá escolher entre três tipos:

Illustrator

Nela você pode ou não dar um nome para sua imagem e deve fornecer algumas informações obrigatoriamente.

Você pode escolher um tamanho predefinido (na opção size), ou informar exatamente a largura (width) e a altura (height) da sua imagem. Você deve também informar a unidade de medida que quer utilizar, como pixels, milímetros, centímetros ou polegadas.

Na aba Avançado (advanced) você pode escolher a síntese de cores (color mode) e a resolução em que pretende trabalhar.

Lembre-se que apenas as imagens Bitmap precisam de uma resolução. Como o Illustrator gera imagens vetoriais a resolução será utilizada apenas em alguns efeitos que utilizam recursos de bitmap, como sombras e transparências, por exemplo.

Trabalhando com cores

IllustratorNa caixa de ferramentas do Illustrator vocês sempre terá a opção de trabalhar com duas cores, conforme a imagem ao lado.

A primeira cor será utilizada para o preenchimento dos seus objetos e a segunda cor será utilizadas para as suas bordas.

Você ainda pode alternar essas duras cores clicando nas setinhas que ficam ao lado delas.

Para ter acesso à escolha de cores, basta clicar sobre uma das cores na própria caixa de ferramentas, ou acessar a paleta de cores clicando no ícone Illustrator

Illustrator

Essa paleta, assim como outras exibirá apenas informações básicas quando aberta pela primeira vez. Para vê-la completa como na imagem acima você precisa clicar no ícone Illustrator, que fica no canto superior direito da paleta, e escolher a opção Show Options (mostrar opções).

Artboards e Camadas

Artboards funcionam como se fossem páginas.

Essa função apareceu apenas nas versões mais recentes do Illustrator pois, como ele é um programa para ilustrar/desenhar, não precisa ter várias páginas, uma vez que cada desenho ocupa uma única folha.

De qualquer forma essa função foi inserida e pode ser utilizada, porém com moderação. Se você precisa de um arquivo com várias páginas, certamente o Adobe Indesign será uma opção melhor do que o Ilustrator.

Os artboards podem ser gerenciados em uma paleta específica, que pode ser acessada pelo ícone Illustrator.

Além deles, você também possui o recurso de camadas (layers) para organizar seus desenhos.

As camadas são gerenciadas por uma paleta específica que pode ser acessada pelo ícone Illustrator.

Illustrator

Você pode criar camadas e artboards clicando no botão illustrator em sua paleta específica. Também pode excluí-los utilizando o botão illustrator.

Ferramentas de seleção

Illustrator

As principais ferramentas de seleção do Illustrator são a Seta Preta e a Seta branca.

A seta preta seleciona vetores inteiros e decem ser utilizadas para selecionar objetos e desenhos por completo.

A seta branca seleciona cada parte de um vetor separadamente e deve ser utilizada quando se pretende selecionar um único ponto ou uma única linha/curva do vetor.

Desenhando vetores

A caneta illustrator é a principal ferramenta para desenho de vetores.

Com ela, ao dar um clique na tela é criado um ponto naquela coordenada específica. Ao dar um clique em outro lugar da tela será criado um novo ponto na nova coordenada e será crida uma linha entre os dois.

Para criar curvas basta segurar o botão direito do mouse clicado e arrastá-lo até que a curva esteja como desejada.

Com as ferramentas de Linha e Polígono é possível criar formas geométricas com mais facilidade. Basta clicar no primeiro ponto mantendo o mouse pressionado e arrastá-lo até o segundo ponto.

illustrator

Com as ferramentas de traço artístico: lápis e pincel, é possível criar linhas elaboradas e desenhas a mão livre.

Formatando os vetores

Após criar os vetores com alguma das ferramentas acima, é possível estilizá-los, trabalhando com sua espessura ou aplicando acabamentos artísticos sobre as linhas. Há duas paletas a serem utilizadas principalmente para este fim: stroke e brushes.

A paleta stroke pode ser acessada pelo ícone illustrator.

Illustrator

Na paleta stroke você determina o peso (weight) do traço, que correspondem à sua espessura. Quanto mais pontos, mais grosso será o traço.

Nas opções Cap e Corner você determina como devem ser os cantos e os pontos finais de seus vetores, podendo deixá-los retos ou arredondados.

Na opção dashad line você pode criar linhas tracejadas ou pontilhadas.

Com a opção Arrowheads você pode criar setas, acrescentando pontas e caudas em seus vetores.

A paleta brushes é acessada pelo ícone illustrator.

illustrator

Com ela você pode dar acabamento artístico para seus traços, simulando pontas diferentes para seus lápis e pinceis.

Você também pode importar novas bibliotecas de brushes, que podem ser encontradas para download na internet, além de poder criar suas próprias ponteiras.

Criando gradientes

Você pode preencher seus vetores ou suas bordas com gradientes, misturando várias cores, por meio da paleta Gradiente.

illustrator

Nessa paleta você escolher se quer trabalhar com a o preenchimento ou com a borda, e seleciona as cores com que pretende gerar o gradiente.

Ao posicionar as cores na linha de gradiente o Illustrator cria uma mistura entre elas na direção selecionada.

Referências

VIEIRA, Anderson da Silva. Adobe Illustrator CS2: guia prático e visual. Rio de Janeiro: Alta Books, 2006.


Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Faça seu comentário

Repita os caracteres no campo abaixo:



adobe agência de propaganda artigo científico banco central bitmap cabernet sauvignon cedilha comunicação digital comportamento do consumidor composto de marketing concorrência cultura da internet custo demanda desejo desnatamento diferenciação email marketing endomarketing estratégia facebook forças competitivas gestão estratégica google html illustrator imagens digitais indesign inovação instagram inteligência coletiva internet jornalismo linkedin livrista lucro macroambiente marca mark-up marketing marketing de conteúdo marketing digital merlot michael porter microambiente moeda comemorativa motivação mídia mídia digital mídias sociais necessidade numismática olimpiadas 2016 orkut photoshop php planejamento planejamento estratégico preço produto programação promoção propaganda propagação viral publicidade real redes sociais relações públicas relevância reputação rio 2016 seo skimming twitter valor vinho walter longo youtube